Artigos e Mídia

Carta Mensal Fundo Equador Dezembro de 2020

14/01/2021

O Fundo Equador FI Multimercado da JF Trust obteve uma rentabilidade de 1,69% em dezembro de 2020, acumulando no ano uma alta de 8,01%, equivalente à 290,6% do CDI. Esses ganhos foram obtidos de forma preponderante no mercado de juros e na consolidação efetiva do nosso cenário que as taxas de juros futuras estavam muito esticadas para cima. Nosso desempenho positivo também no último trimestre de 2020 refletiu nossa posição de que a despeito das pendências fiscais e da aceleração da inflação no curto prazo, havia espaço para a redução dos juros futuros e da inflação embutida na curva do mercado que considerávamos exagerada.

O desfecho da eleição presidencial norte-americana eliminou uma imprevisibilidade do cenário internacional e combinado com a vitória do partido democrata no Senado da Geórgia consolidou maioria no Congresso, que deve facilitar e muito, a continuidade da política fiscal expansionista nos EUA no curto prazo. A eliminação dessas incertezas também beneficiou o retorno do fluxo de capitais para os mercados das economias emergentes e à revalorização de suas moedas nos últimos meses do ano passado. Nesse contexto, o Fundo Equador FIM também obteve um desempenho positivo no mercado acionário, com o Ibovespa conseguindo zerar as perdas da pandemia e registrar uma valorização acumulada de 2,92% em 2020.

A tendência estrutural da queda do dólar foi ampliada com a divulgação dos índices de eficácia das vacinas contra o Covid, mas principalmente com o início do processo de vacinação, que já estará acelerando em janeiro de 2021. Isso elevou as perspectivas de crescimento econômico global. Isso compensou a aceleração dos casos de Covid-19 e à expectativa de desaceleração do PIB dos EUA, Zona do Euro e Reino Unido no último trimestre do ano passado, e o retorno dos fluxos para o Brasil provou a queda do câmbio médio para uma taxa de R$ 5,147/US$ na média de dezembro.

O panorama para 2021 ainda considera a manutenção de liquidez excedente (políticas monetárias e fiscal expansionistas) com retorno da mobilidade social e menores restrições setoriais pós-vacinação, o que tende a beneficiar crescimento econômico e o mercado acionário, sobretudo nas economias que sofreram maiores perdas de suas moedas e valores das empresas em suas Bolsa domésticas.

A perspectiva de um fiscal mais expansionista abre um movimento de elevação dos juros (yields) das treasuries e da expectativa de inflação de médio e longo prazo nos EUA, o que seria um limitador para as posições compradas em Bolsa, mas avaliamos que o Federal Reserve deverá agir de forma antecipada, iniciando um movimento de redução gradual da compra de títulos, evitando uma alta desenfreada dos yields e da inflação futura.

Faça o download da carta completa





Como Investir
CVM
Banco Central do Brasil
Anbima
JF Trust - Gestão de Recursos
Av. Ataulfo de Paiva, 517, sl. 303
Leblon, CEP: 22440-032 - Rio de Janeiro - RJ
Tel/Fax: +55 (21) 3507-0604 | 3576-1348